Grande parte das mulheres brasileiras não sabem que o autoexame das mamas já deixou de ser indicado para identificar e prevenir o câncer de mama. Em novo clipe, da cantora Anitta, com a canção recém-lançada: “Atención”, de seu mais novo álbum, a artista pop e outras mulheres aparecem fazendo o autoexame, como um alerta. 

Um exame de sangue que detecta precocemente o câncer de mama pode substituir o exame de mamografia. Em uma única coleta, será possível se prevenir contra diferentes tipos de tumor, até mesmo alguns dos quais não contam ainda com esquemas de rastreamento eficazes. O teste sanguíneo que está sendo desenvolvido pelos pesquisadores do Hospital Universitário de Heidelberg, na Alemanha, promete ser capaz de identificar de forma confiável se um paciente tem a doença.

O exame, apelidado de HeiScreen, pode detectar câncer no sangue até antes de a doença se tornar visível. Os especialistas apontam que pode ser utilizado para detectar também câncer nos ovários.

A queda de cabelo intensa pode causar falhas nas laterais da cabeça, que de certa forma afetam bastante a estética capilar e também o auto estima da mulher.

Apesar de as recomendações das Sociedades Científicas e da Comunidade Europeia da Energia Atómica (EURATOM) apontarem para o uso preferencial de métodos complementares sem radiação, não é essa a prática em Portugal e noutros países da Europa, onde o primeiro exame com imagem usado para estudo da doença coronária continua a ser a cintigrafia de perfusão miocárdica.

Transtorno mental de difícil diagnóstico, a depressão é uma doença séria, incapacitante e que pode até mesmo levar à morte, já que, apenas no Brasil, cerca de 12 mil pessoas se matam por ano por causa da depressão, segundo a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Hospitais nos EUA, Reino Unido e Cingapura também estão testando sistemas automatizados (Foto: PxHere)

O Aravind Eye Hospital em Maburai, no sul da Índia, atende mais de 2 mil pessoas por dia vindas de vários lugares da Índia e, às vezes, de outros países.

A solução pode ser simples, mas requer mudanças nos hábitos alimentares."